"Ninguém educa ninguém. ninguem educa
a si mesmo, os homens se educam entre si,
mediatizadas pelo mundo."
Paulo Freire

29/11/2017 21:37 - BALAS DE BORRACHA, GÁS DE PIMENTA, CAVALARIA E CACHORROS DERRUBAM A MÁSCARA DO GOVERNADOR REINALDO AZAMBUJA

A violenta repressão capitaneada por REINALDO AZAMBUJA (PSDB) contra os/as TRABALHADORES/AS no dia 28/11/2017, durante a votação do pacote de DESMONTE DA PREVIDÊNCIA SOCIAL dos/as servidores/as na Assembleia Legislativa, demonstra o completo descompromisso do atual governador com aqueles que efetivamente constroem o Estado de Mato Grosso do Sul.
O governador, na BALA e na BORDOADA, com o apoio de 13 deputados covardes, conseguiu aprovar seu pacote de maldades previdenciárias. 
A previdência dos/as servidores/as não se encontra quebrada e, se tem alguma dificuldade não é por culpa dos/as servidores/as estaduais, mas por culpa dos governantes, dentre eles REINALDO AZAMBUJA (PSDB).
O atual governo não tem coragem de enfrentar os empresários cortando as polpudas isenções fiscais de toda e qualquer ordem, mas, sabe enfrentar os/as servidores/as com TROPA DE CHOQUE e CACHORROS ROTWAILER. 
REINALDO AZAMBUJA (PSDB), ao colocar a truculência policial contra os/as servidores/as, replicou mais uma vez o velho e bom bordão dos tiranos de plantão: Seja forte com os fracos para esconder o fato de que se é fraco com os fortes.
A FETEMS, desde que o governo começou a alardear uma pretensa crise fiscal, elencou uma série de medidas que cortam privilégios dos grandes empresários e apaniguados políticos.
Até a presente data só foi proposto pelo governador REINALDO AZAMBUJA (PSDB)  medidas contra os/as servidores/as estaduais. Contra os empresários privilegiados pelo seu governo nada de sacrifício.
Os apaniguados, que não são pouco e só aumentam, no governo REINALDO AZAMBUJA (PSDB) continuam se beneficiando do Estado em detrimento de quem efetivamente trabalha pela população.
O abandono de setores essenciais à população no governo REINALDO AZAMBUJA (PSDB) contrasta com a manutenção dos privilégios dados a empresários e políticos aliados.
O fim do FUNDO PREVIDENCIÁRIO, para que este governo faça caixa ao longo do ano de 2018 às custas dos/as servidores/as nos revela uma triste realidade no governo REINALDO AZAMBUJA (PSDB): “Dane-se o futuro da previdência social”.
  O discurso de planejamento, meritocracia e contrato de gestão era apenas uma cortina de fumaça, uma máscara, para esconder um governo desorganizado, fisiológico e patrimonialista que ele tanto criticou entre sua candidatura e sua posse.
REINALDO AZAMBUJA (PSDB) entrou, no dia 28/11/2017, para nossa triste história: “É o primeiro governador do Estado a colocar a tropa de choque armada, acompanhada de cachorros e cavalos de ataque e disparando balas dentro da Assembleia Legislativa, para garantir uma votação que somente atendia a seus interesses.”
Ganhou a votação, mas ganhou também definitivamente a imagem de tirano e truculento, que nenhuma máscara e bom moço vai mais conseguir esconder. 
Finalmente o slogan da campanha de REINALDO AZAMBUJA em 2014, MUDANÇA DE VERDADE, se revelou falso. 
O governo REINALDO AZAMBUJA não é governo de MUDANÇA e muito menos comprometido com a VERDADE. 
A MUDANÇA e a VERDADE não precisam de cachorros, cavalos, bala de borracha, gás de pimenta e tropa de choque para se estabelecerem.
A FETEMS e os/as trabalhadores/as de Educação vão continuar lutando para que tiranos e déspotas deste porte tenham vida curta em nossa vida política. Ao governador REINALDO AZAMBUJA deixamos nosso recado claro e transparente:
 
“Não há cachorros, cavalos, balas de borracha, gás de pimenta e truculência policial que vai conseguir calar a FETEMS, os/as trabalhadores/as em Educação e os/as demais servidores/as públicos diante de tamanha TRUCULÊNCIA e COVARDIA.”

Jaime Teixeira