"Ninguém educa ninguém. ninguem educa
a si mesmo, os homens se educam entre si,
mediatizadas pelo mundo."
Paulo Freire

13/11/2020 16:31 - NOTA PÚBLICA DO SIMTED DE CORUMBÁ-MS

O Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação – Simted, entidade representativa da categoria, informa à população que, ao contrário do que foi veiculado na propaganda eleitoral, os professores da Rede Municipal de Ensino NÃO RECEBEM O SEGUNDO MAIOR SALÁRIO DO ESTADO DE MS.
Os (as) professores (as) corumbaenses, infelizmente recebem UM DOS PIORES SALÁRIOS, comparados aos colegas das redes municipais, para quem tem o NIVEL SUPERIOR. Tomemos como exemplo, o município de Angélica, com uma população de 10 mil habitantes, paga R$ 5.081,02 para uma jornada de 20h. (fonte: Simted de Angélica). Já o município de Corumbá paga para os mesmos profissionais, com o mesmo nível de formação NIVEL SUPERIOR e para a mesma jornada de trabalho 20h, 2.244,17 (esse valor é equivalente ao que muitos municípios pagam para quem tem a formação de NIVEL MÉDIO), ou seja, o município de Angélica paga mais que o DOBRO do que o município de Corumbá, que tem o terceiro maior orçamento entre os municípios do interior do estado! Aonde está a valorização?
Procurou-se na propaganda eleitoral, confundir o salário pago pelos municípios aos profissionais que possuem o magistério de NIVEL MÉDIO, divulgado por uma tabela da FETEMS, com o salário dos que possuem nível superior em Corumbá. Ademais é de conhecimento público, que Corumbá há mais de 10 anos não existe nenhum professor(a) na ativa com o nível de formação de magistério de nível médio!
O Plano de Carreira dos professores/as que contém avanços na sua estrutura, não foi mérito da atual administração e sim das lutas empreendidas pelo sindicato ao longo de décadas durante diversas administrações municipais.
Pelo contrário! Tivemos RETROCESSOS em consolidar um plano de carreira atrativo, como foi o caso do reajuste salarial de 2020, que estava previsto o percentual de 12,84% de acordo com a lei federal do piso do magistério nº 11.738/2008, e foi concedido apenas 6,48%, isso depois de muitas mobilizações. A cassação (aprovada por unanimidade dos vereadores) da gestão democrática na escolha dos diretores escolares, experiência exitosa na melhoria da qualidade social do ensino, também foi um RETROCESSO!
Os administrativos, através da FETEMS/SIMTED apresentaram um Plano de Carreira para o executivo municipal, mas infelizmente foi engavetado.
O plano de saúde da Cassems para os aposentados, sempre foi reivindicado pelo sindicato para todas as administrações municipais, mas infelizmente foi ignorado.
O desempenho de Corumbá no IDEB deveu-se ao empenho, responsabilidade e compromisso de professores e funcionários administrativos, com a educação pública municipal que, mesmo com tanta falta de valorização e respeito aos seus direitos, fizeram um trabalho de qualidade, até porque, não temos nenhuma inovação em métodos ou proposta pedagógica da Secretaria de Educação que justificaria a melhoria de tal desempenho.
INDEPENDENDE DE GOVERNOS, O SIMTED ESTARÁ SEMPRE AO LADO DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO E DA ESCOLA PUBLICA DE QUALIDADE SOCIAL!!
 
 
 

Assessoria