"Ninguém educa ninguém. ninguem educa
a si mesmo, os homens se educam entre si,
mediatizadas pelo mundo."
Paulo Freire

15/04/2019 15:51 - Secretário dos Trabalhadores na Educação no Campo da FETEMS, Luiz Carlos Valejo participa do Fonec em Brasília

O Tesoureiro do SIMTED de Ponta Porã e do Departamento dos Trabalhadores na Educação no Campo da FETEMS (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), Luiz Carlos Valejo participou de 10 a 12 de abril, Fórum Nacional de Educação do Campo (Fonec), realizado em Brasília-DF.

O Fórum Nacional de Educação do Campo (Fonec) mostrou toda a sua resistência e importância na luta pela política de educação do campo ao realizar um grande encontro, com a presença de professores, estudantes da Licenciatura em Educação do Campo, representantes de movimentos sociais, entre eles a CONTAG, Federações filiadas, e militantes da Educação do Campo.
“O encontro foi muito produtivo onde debatemos sobre a resistência diária dos que militam pela política de Educação do Campo e a reafirmação da luta e das estratégias de Educação do Campo desenvolvidas, que é um instrumento de conscientização, organização e mobilização da comunidade e dos diversos sujeitos do campo”, pontuou o Tesoureiro do SIMTED de Ponta Porã e do Departamento dos Trabalhadores na Educação no Campo da FETEMS, Luiz Carlos Valejo.
Durante o encontro realizada análise de conjuntura geral e agrária com a professora Marina Gouvea (UFRJ) e de Uelton Fernandes; Painel sobre Educação e Desafios da Conjuntura com o professor Luiz Carlos de Freitas (Unicamp); análise da Educação do Campo no contexto das políticas públicas: LedoC, Pronera, Escola da Terra e fechamento das escolas do campo. Esse painel foi coordenado pela secretária de Políticas Sociais da CONTAG, Edjane Rodrigues, e contou com a participação da professora Mônica Molina (UnB) e do professor Salomão Hage (UFPA); Painel “Os desafios do atual momento político para as organizações e instituições”, com o professor Gaudêncio Frigotto (UERJ) e um forte Ato em Defesa da Educação do Campo, com a participação da CONTAG, do MST, UnB, da deputada federal Erika Kokay (PT-DF), dos deputados federais Padre João (PT-MG), Hélder Salomão (PT-ES), Pedro Uczai (PT-SC), da procuradora federal dos Direitos do Cidadão, Débora Duprat, entre outros(as) convidados(as). O ato foi iniciado com uma mística, com mensagens sobre a importância da Educação do Campo, de fortalecer essa política que é um direito dos sujeitos do campo e dever do Estado.
Todos os deputados e deputada presentes reafirmaram o compromisso com a pauta da Educação do Campo e que estão conseguindo adesões à Frente Parlamentar Mista de parlamentares que estão na primeira legislatura. E também destacaram os prejuízos da proposta de reforma da previdência para os rurais, principalmente para as mulheres rurais.

Assessoria